Ir para o conteúdo

Bate Coração – Saúde da família na escola (um projeto interdisciplinar entre Ciências e Educação Física)

Andreia Lourdes de Souza Martins da Silva

Bacharel e licenciada em Biologia pela Universidade de Mogi das Cruzes, especialista em Biotecnologia e Psicopedagogia, professora de Ciências da rede municipal de ensino de São Paulo.

Daniel Teixeira Maldonado

Bacharel e licenciado em Educação Física pela Universidade São Judas Tadeu, especialista em Educação Física Escolar e Pedagogia dos Esportes, mestre em Educação Física, doutorando em Educação Física pela Universidade São Judas Tadeu, professor da rede municipal de ensino de São Paulo

Introdução

A unidade escolar EMEF 19 de Novembro, localizada no bairro de Vila Matilde, é caracterizada pela diversidade social e cultural de seus educandos. Estes, moradores no entorno da região, procuram a escola para o desenvolvimento no Ensino Fundamental e para a socialização junto à comunidade na qual estão inseridos.

O corpo docente desta unidade escolar tem ciência de que no presente a ação do educando diante da sociedade requer maior mobilidade do professor, pois ele não se apresenta como uma pessoa passiva à espera apenas de uma instrução teórica; o fato é que ele está em busca de conhecimentos para o desenvolvimento de sua cidadania e para, no futuro, utilizá-lo em seu cotidiano, o que impõe ao educador a busca por novas estratégias na apresentação dos conteúdos, que devem ser expostos de maneira significativa, demonstrando suas ligações com a realidade presente, ao mediar o educando para a construção de seu conhecimento.

Percebemos ao longo do tempo, como docentes dessa escola, carência de informações da comunidade sobre conhecimentos que envolvam doenças crônicas e atividade física. Essa percepção começou a ocorrer em conversas realizadas em horários de estudo e em conversas menos formais pelos professores responsáveis pelo projeto.

No planejamento anual de 2011 constava abordar a temática que contemplava as áreas de conhecimento de Ciências e Educação Física, porém ainda não havia um trabalho interdisciplinar. Durante as trocas de sala, os professores perceberam que havia afinidade entre os conteúdos trabalhados com o 8º ano do Ensino Fundamental II e decidiram a partir de então trabalhar em conjunto.

Inicialmente, a ideia era desenvolver um trabalho envolvendo apenas as duas disciplinas. Ao apresentar a proposta do trabalho em conjunto para a coordenação, surgiram possibilidades para o desenvolvimento de um projeto. Analisando o projeto pedagógico, foi identificada a necessidade de aumentar a participação da comunidade na escola e decidimos utilizar essa proposta também para esse objetivo. Depois de conversas entre professores, coordenação e direção decidimos realizar o projeto “Bate Coração – Saúde da família na escola”.

O projeto foi realizado com as turmas de 8º e 9º anos do Ensino Fundamental II de abril a junho de 2011, com o objetivo de: orientar a comunidade escolar sobre a prevenção e tratamento de doenças crônicas (hipertensão arterial, diabetes mellitus tipo 2, hipercolesterolemia e obesidade), que aumentam a incidência de doenças cardíacas, por meio do conhecimento dos fatores de risco para essas doenças (alimentação e atividade física).

Acreditávamos que seria extremamente importante os alunos aprenderem conceitos sobre esse tema, desenvolver competências para ressignificar esse conhecimento para a comunidade, atuando como agentes transformadores do ambiente onde vivem.

Objetivos

Nas primeiras discussões realizadas em aula identificamos que muitos familiares dos alunos já tinham adquirido algumas doenças crônicas e muitos estudantes nunca tinham realizado nenhum exame que pudesse diagnosticar como andava a sua saúde. Percebíamos também que muitos alunos traziam como lanche alimentos industrializados com baixo valor nutricional e altamente energéticos.

Ao propormos trabalhar com o tema, surgiram muitas dúvidas em decorrência do pouco conhecimento desses estudantes sobre esses conteúdos. Em virtude de haver casos familiares com essas doenças e carência de informações, o assunto despertou grande interesse dos alunos para a construção de conhecimentos sobre ele.

Iniciamos apenas trabalhando os conteúdos em aula; ao percebermos a importância que os estudantes davam ao tema, decidimos realizar um projeto. Buscamos a coordenação e a direção da escola para expressar o interesse da realização de algo que iria além das aulas. Com o apoio da equipe pedagógica, surgiu a ideia de realizar um evento para finalizar o projeto avaliando o risco de doença do coração da comunidade e orientando os moradores sobre hipertensão arterial, diabetes mellitus tipo 2, hipercolesterolemia, obesidade, alimentação e atividade física.

Para conseguir realizar o evento, buscamos parceria com a Unidade Básica de Saúde do bairro, com o intuito de nos ajudar no atendimento da população. Os estudantes elaboraram todo o material educativo durante as aulas (convites, banners e panfletos). Nesse momento houve a participação dos alunos do 9º ano do Ensino Fundamental.

Tivemos algumas dificuldades. A primeira esteve relacionada à escassez de tempo para dar conta de todas as questões burocráticas e ainda desenvolver aulas diferenciadas com os alunos. Houve restrição no desenvolvimento de materiais, por conta dos poucos recursos financeiros de que a escola pública dispõe. Também tivemos dificuldade para sair da escola durante o horário de aula para reuniões sobre o projeto com os profissionais da Unidade Básica de Saúde e para construir o projeto com os alunos que não estavam acostumados com esse tipo de estratégia de aula, com a realização de pesquisas em fontes adequadas, interpretar textos, utilizar recursos tecnológicos e de comunicação oral. Registramos também nossas próprias limitações como professores, já que foi o primeiro projeto realizado em conjunto com profissionais de outras áreas.

Evento Saúde 197.jpg

Objetivo geral

O objetivo do projeto foi orientar a comunidade escolar sobre a prevenção e tratamento das doenças crônicas (hipertensão arterial, diabetes mellitus tipo 2, hipercolesterolemia e obesidade) que aumentam a incidência de doenças cardíacas, apresentando os fatores de risco para essas doenças (alimentação e atividade física).

Os alunos aprenderam:

  • Princípios de uma alimentação saudável;
  • Criação do hábito de analisar o rótulo dos alimentos;
  • Entender as consequências do sedentarismo;
  • Interpretar informações básicas sobre prevenção e tratamento das doenças e os benefícios da atividade física;
  • Identificar a recomendação adequada de atividade física relacionando esse conceito com a saúde;
  • Analisar os benefícios dos diferentes tipos de exercícios para a saúde;
  • Elaborar materiais educativos utilizando recursos tecnológicos;
  • Conceitos básicos de comunicação oral;
  • Interpretar diferentes tipos de textos (científicos, didáticos e técnicos).

Conteúdos

Ciências:

Fatores de risco para o desenvolvimento das doenças crônicas (hipertensão arterial, diabetes mellitus tipo 2, hipercolesterolemia e obesidade): valorizar a alimentação saudável, a análise dos rótulos dos alimentos, evitar sedentarismo, conhecer a etimologia das doenças, saber informações básicas sobre prevenção e tratamento das doenças.

Educação Física

Benefícios da atividade física para a saúde: recomendação de atividade física, atividade física no tempo de lazer, capacidades físicas relacionadas à saúde, benefícios da atividade física como prevenção e tratamento das doenças crônicas; exercícios aeróbicos e musculação.

Ciências e Educação Física – Habilidades

  • Construção de materiais educativos utilizando recursos tecnológicos: Elaboração de painel, panfleto e convites para a finalização do projeto (evento).
  • Desenvolvimento de habilidades para apresentar os conhecimentos aprendidos para a comunidade – Comunicação oral e escrita.
  • Interpretação de textos – técnicos, científicos e didáticos.

Cronologia

Abril

Aulas expositivas – conteúdos desenvolvidos a partir de livros didáticos e livros de cunho científico, com o objetivo de conhecer o assunto e realizar reflexões iniciais sobre a temática.

Filme – Exibição do filme SuperSize me: A dieta do palhaço, com o intuito de estabelecer um paralelo entre os textos discutidos em aula e ampliar o conhecimento sobre o tema.

Aulas práticas – Realizar movimentos para o entendimento das capacidades físicas relacionadas com a saúde (flexibilidade, força, resistência muscular e cardiorrespiratória).

Maio

Aulas expositivas – conteúdos desenvolvidos a partir de livros didáticos e livros de cunho científico, com o objetivo de ampliar o conhecimento dos alunos sobre o tema.

Atividade lúdica – os alunos trouxeram rótulos de alimentos industrializados e analisaram as tabelas nutricionais para localizar os componentes, aditivos industriais e os respectivos valores.

Filme – documentário SPORTV – Esporte de alto nível é saúde?, tendo como objetivo refletir se atletas que praticam esporte de alto nível são saudáveis ou se o treinamento intenso prejudica a sua saúde.

Pesquisas – para aprofundar o assunto e elaborar materiais educativos, foram solicitadas aos estudantes pesquisas sobre doenças crônicas (hipertensão arterial, diabetes mellitus tipo 2, hipercolesterolemia e obesidade) e benefícios da atividade física.

Junho

Elaboração de material educativo – com o intuito de elaborar materiais educativos para o evento de finalização do projeto, os alunos fizeram banners, panfletos e convites.

Elaboração de material de acolhimento – Os estudantes confeccionaram cartazes de acolhimento à família e painéis contendo fotos de todos os eventos realizados durante o semestre na unidade escolar.

Comunicação oral – ensaios para a apresentação do material educativo elaborado no dia do evento final do projeto.

Organização do evento – discussão com os estudantes de como realizar o evento final do projeto.

Evento: Dia da família na escola

  • Nesse dia, os alunos, juntamente com os profissionais da Unidade Básica de Saúde, diagnosticaram o risco de doença cardiovascular da comunidade a partir do questionário da American Heart Association;
  • Os alunos orientaram a comunidade sobre doenças crônicas e atividade física, utilizando os materiais educativos;
  • Todas as atividades foram realizadas com a supervisão dos profissionais da Unidade Básica de Saúde de Vila Matilde.
Evento Saúde 174.jpg

Avaliação

Avaliação diagnóstica

  • Percepção dos hábitos alimentares inadequados dos alunos;
  • Levantamento com os alunos mostrando a quantidade excessiva de pessoas na comunidade com doenças crônicas, sedentárias e com hábitos alimentares inadequados;
  • Roda de conversa realizando diagnóstico do conhecimento que os alunos já possuíam sobre o tema, mostrando que muitos deles nunca realizaram exames para avaliar a sua saúde e que o conhecimento que possuíam sobre o tema era construído dentro da família com as pessoas que já tinham adquirido essas doenças.

Participação e interesse

Durante as aulas os alunos foram estimulados a refletir sobre os conteúdos, participando ativamente do processo de aprendizagem, muitas vezes trazendo dúvidas dos próprios familiares e questões da mídia.

Reflexão sobre filmes

Utilizamos dois filmes para provocar a reflexão e ampliar os conhecimentos dos conteúdos aprendidos durante as aulas expositivas. Após assistirem aos filmes, os alunos responderam a questões relacionadas ao tema com a ajuda do professor.

Cartazes

Confeccionamos cartazes durante as aulas com a explicação de cada uma das capacidades físicas relacionadas à saúde. A partir dos conteúdos aprendidos nas aulas expositivas, os alunos recortaram fotos de revistas e jornais e elaboraram os cartazes, que foram expostos dentro da escola.

Evento Saúde 177.jpg

Elaboração de cardápio de refeição saudável

Foi solicitado que os alunos elaborassem um cardápio para um domingo no qual eles deveriam utilizar os conteúdos aprendidos em aula.

Análise de rótulo

Os alunos trouxeram rótulos de alimentos industrializados (refrigerante, óleo de soja, bolacha, salgadinhos, macarrão, balas etc.). Foi solicitada aos alunos a análise dos rótulos a partir dos conteúdos desenvolvidos em aula – alimentos reguladores, construtores e energéticos, diferenças entre alimentos diet e light, localização dos aditivos industriais nos rótulos e o valor calórico de todos os alimentos.

Materiais educativos

Foram construídos junto com os alunos os materiais utilizados no dia do evento para a orientação da comunidade. Elaboramos panfletos e banners com todos os conteúdos abordados em aula e os convites comunicando o evento a toda a comunidade escolar.

Evento: Bate Coração – Saúde da família na escola

Professores e alunos discutiram todo o processo de organização e realização do evento. Os alunos dividiram-se em grupos e ficaram responsáveis por diferentes tarefas para a realização do evento. Essas tarefas estavam relacionadas com a parceria com a Unidade Básica de Saúde: orientação da comunidade sobre doenças crônicas e atividade física, avaliação do risco de doença cardiovascular, recepção e acolhimento dos familiares na escola no dia do evento.

Evento Saúde 194.jpg

Avaliação institucional

A unidade escolar semestralmente realiza uma avaliação com todas as disciplinas, e os conteúdos de Ciências e Educação Física foram contemplados nesse momento.

Publicado em