Não tem escapatória: é cuspe e giz

Professor de Física que abandonou a sala de aula e voltou depois de 20 anos analisa as condições que encontrou em seu retorno, desde falta de atitude de aprendizagem dos alunos – que também não dominavam conceitos essenciais para a série em que estavam – até a inexistência de recursos didáticos além do quadro-negro.

Publicado em 12 de maio de 2015