Atividades corporais psicomotoras como promoção da saúde e qualidade de vida

Marcelo Bittencourt Jardim

Mestrando em Ensino de Educação Básica (UERJ); especialista em Psicomotricidade (IBMR); bacharel e licenciado em Educação Física (Unipli); especialista em Saúde Pública – SUS (UFRJ) e Educação Pública (Cecierj)

Os benefícios que os pacientes envolvidos no trabalho de atividades físicas nas unidades de Saúde da Família no município de São Gonçalo obtêm são os seguintes:

Este artigo faz parte de um conjunto de trabalhos, pesquisas e estudos com idosos, pessoas com deficiências (congênitas, adquiridas e mentais), diabéticos, hipertensos, com Alzheimer, mal de Parkinson, sedentários, adolescentes e crianças que precisam de estimulação dos elementos psicomotores por meio de atividades de Educação Física nas Unidades de Saúde da Família da Secretaria Municipal de Saúde Pública de São Gonçalo em parceria com o Núcleo de Apoio à Saúde da Família – NASF/AB-IMG.

Como responsável pelo trabalho, atuo nas áreas de Psicomotricidade: afeto, educação especial, futebol; e da Educação Física: saúde e educação. 

A seguir estão algumas fotos do trabalho desenvolvido no NASF-AB/IMG nas Unidades de Saúde Pública de São Gonçalo/RJ, com atendimento em Educação Física de práticas corporais a idosos.

As fotos a seguir registram atendimentos às pessoas com deficiências (congênitas e adquiridas) e de crianças.

A seguir estão imagens de atendimentos a pessoas com deficiências mentais e visuais.

Publicado em 12 de março de 2019

Como citar este artigo (ABNT)

JARDIM, Marcelo Bittencourt. Atividades corporais psicomotoras como promoção da saúde e qualidade de vida. Educação Pública, v. 19, nº 5, 12 de março de 2019. Disponível em https://educacaopublica.cederj.edu.br/artigos/19/5/atividades-corporais-psicomotoras-como-promocao-da-saude-e-qualidade-de-vida