Biblioteca

Filtrar os artigos

Pesquisar na Biblioteca

Selecione uma ou mais opções

Nível de ensino

Selecione uma ou mais opções

Natureza do trabalho

Selecione apenas uma opção

Categoria de Ensino

Selecione uma ou mais opções

Ciências Ambientais

Ciências da Saúde

Ciências Exatas e da Terra

Ciências Humanas

Educação

Letras, Artes e Cultura

Políticas Públicas


Filtros aplicados:

Categoria de Ensino: Artes Plásticas; Cidadania e Comportamento; Cinema, Teatro e TV; Dança; Educação Artística; Educação Física; Folclore e Datas Importantes; Fotografia; Língua Portuguesa e Literatura; Música; Outras Mais Específicas
Limpar filtros
Slam: literatura e resistência!
Antropologia, Filosofia, História, Sociologia e Língua Portuguesa e Literatura

Uma competição de poesia falada vem movimentando espaços culturais no Brasil: é o Slam, oriundo dos Estados Unidos. Participam dessa batalha poesias faladas de até três minutos, sem objetos cênicos ou acompanhamento musical. O tema é livre, mas grupos historicamente excluídos vêm ocupando esse espaço de expressão artística, como forma de dar visibilidade às suas lutas.

Febre terçã
Saúde, Antropologia, Psicologia, Cidadania e Comportamento, Língua Portuguesa e Literatura e Espaços Urbanos

Dentro de um ônibus velho, lotado e tórrido, num dia de muito calor e numa viagem longa atravessando várias ruas da Zona Sul do Rio de Janeiro, várias coisas podem acontecer, além da conversa das amigas. E muitas vezes essas coisas acontecem mesmo.

Entre práticas e teorias: Subprojeto Letras/Português sob o olhar dos residentes do Programa de Residência Pedagógica da UFPI
Formação de Professores, Língua Portuguesa e Literatura e Política Educacional

Este estudo tem como objetivo retratar como foi concebido, concretizado e desenvolvido o Subprojeto Letras/Português, do Programa de Residência Pedagógica da UFPI. Foi realizada análise documental dos relatórios de residentes de escolas-campo, de modo a conhecer suas avaliações e pontos de vista. Como pressupostos teóricos, utilizamos autores que postulam a importância da articulação entre práticas e teorias para a formação inicial de professores. Verificamos que a experiência foi bem-sucedida na aproximação da teoria à prática; a articulação foi favorecida por um trabalho conjunto e plural entre todos os atores que fazem o PRP da UFPI e pela receptividade positiva dos que atuam nas escolas-campo.

Africanidade: contemporaneidade, cultura e educação
Antropologia, Comunicação, Filosofia, História, Sociologia, História da Educação, Cidadania e Comportamento e Política Cultural

O presente artigo traz pesquisa bibliográfica sobre o estudo da história e da cultura africana, destacando sua importância para que todo brasileiro tome conhecimento das contribuições que os africanos que aqui chegaram sob a condição de escravos deram para a cultura e para a produção das riquezas deste país. Foram os africanos, com os indígenas, que desbravaram matas, construíram estradas, ergueram cidades e portos e atravessaram rios na marcha para o interior. Apesar de escravos, foram atores culturais importantes e influenciaram profundamente as formas de viver e de sentir das populações com que interagiram no novo mundo.

A velha casa
Antropologia, História, Cidadania e Comportamento, Língua Portuguesa e Literatura e Espaços Urbanos

Imponente, a velha casa se lembra de seus tempos de glória, de festas de agitação, solenidades e grandes encontros. Entretanto, sua condição hoje não é mais essa: tem problemas no telhado e nas paredes... E o jardim, ah, o jardim. Até que um dia de manhã...

Tempo de esperança no Sul global: retrato de uma liderança falha
Comunicação, Economia, História, Sociologia e Cidadania e Comportamento

As relações internacionais na atualidade vêm contrapondo os Estados Unidos a diversos países, como Rússia (e antes na Guerra Fria com a União Soviética), China, Coreia do Norte e do Médio Oriente. O comércio entre os países foi afetado pela crise de 2008, e provocou novas ações dos EUA em África e Ásia – inclusive com a justificativa de combate ao terrorismo.

Caminhos do Saber: uma experiência didático-pedagógica
Ecologia e Meio Ambiente, Geografia, História, Formação de Professores, Instituição Escola, Vivências de Sala de Aula, Cidadania e Comportamento, Educação Artística, Fotografia, Língua Portuguesa e Literatura, Espaços Urbanos, Política Cultural e Política Educacional

Um grupo de professores da Paraíba, membros de uma ONG, vem fazendo passeios voltados para desenvolver suas culturas de modo que estejam sempre atentos para compreender mais e melhor a sua região, a sua história; com isso, esses professores poderão ensinar mais e melhor.

A professora que aprendeu a cantar
Vivências de Sala de Aula, Língua Portuguesa e Literatura e Música

Desde criança ela sonhava ser professora; roubava giz da sala de aula em que estudava para melhorar sua prática em casa, na sala de estar, no quadro-negro que ganhara. Na universidade sua competência era reconhecida por professores e colegas. Foi selecionada para trabalhar numa escola dos sonhos. Era seu primeiro dia, na série em que sempre desejou atuar. Aí aconteceu.

A importância do texto na sala de aula
Língua Portuguesa e Literatura

Uma nova forma de aprender com o espaço pedagógico é conhecer as estratégias que os alunos usam durante a leitura e detectar o benefício que isso pode trazer para a compreensão de textos. A valorização do repertório de “coisas especiais” (termo cunhado por Oxford) vem, efetivamente, promover uma mudança de paradigma no ensino de língua no setor público.

Letramento digital e o Facebook: um estudo sobre o ensino-aprendizagem de Língua Portuguesa
Língua Portuguesa e Literatura

O presente estudo reflete sobre a aliança entre o processo de ensino-aprendizagem, especialmente em Língua Portuguesa, e o uso de tecnologias (smartphone, tablet ou computador), tendo como objeto de estudo a rede social Facebook. Sob essa ótica, é possível utilizar essa rede social como ferramenta de apoio às aulas de Língua Portuguesa, favorecendo o letramento digital? Para responder a tal pergunta, os principais objetivos desta pesquisa envolvem a discussão teórica de conceitos que envolvam a aprendizagem do uso social da leitura e da escrita e o questionamento quanto às possibilidades de utilização das redes sociais como auxiliar à construção do conhecimento.